Category Archives: Portugêse

Dicas para negociar online com a IQ Option

IQ Option é um dos intermediários de compra e venda de ativos financeiros mais confiáveis ​​que você pode obter hoje. Existente desde 2013, o IQ Option provou ser uma plataforma sólida com resultados realmente satisfatórios para seus usuários.

Neste breve artigo, você aprenderá como funciona a IQ Option e uma série de dicas que o ajudarão a obter o máximo dela. Seguindo essas recomendações, será fácil negociar opções binárias online com a IQ Option sem apresentar qualquer inconveniente.

Como funciona?

Como todas as corretoras online, o IQ Option funciona por meio de uma interface que permite escolher entre uma variedade de ativos financeiros para compra e venda. A plataforma permite que seus usuários trabalhem tanto com ações quanto com opções binárias, criptomoedas (Dash, Bitcoin, Ethereum, Zcash, etc.) e Forex, ou seja, com negociação de moedas.

Nesse sentido, uma vez escolhido o ativo, a plataforma também permite escolher o montante ou montante do investimento. Como você verá mais tarde, um dos pontos-chave para começar a negociar online com a IQ Option é fazer quantias pequenas e metódicas.

Finalmente, uma vez definido o valor, você pode escolher entre comprar e vender. A IQ Option opera de maneira simples, a seguir apresentamos uma série de dicas que você pode colocar em prática para operar online de forma totalmente bem-sucedida.

Como obter o máximo do IQ Option

Defina pequenas quantidades

Aplique pequenas quantias em suas primeiras transações na opção mais prudente. Dessa forma, você evita grandes riscos no início, o que é benéfico quando você aprende a ler os sinais do mercado e os movimentos dos ativos globalmente.

Conheça as estratégias possíveis

Investir em ativos financeiros não significa perder dinheiro sem pensar duas vezes. Pelo contrário, os investidores de sucesso são pessoas muito perspicazes, que sabem reconhecer padrões nos melhores mercados e como aproveitar as oportunidades. É importante que você aprenda as estratégias possíveis e em alguns casos é conveniente aplicar em um caso em outros.

Risco e lucro andam de mãos dadas

Prudência não significa ausência de risco, você sempre corre riscos! Na verdade, os investimentos em ativos financeiros e criptomoedas costumam ser um terreno um tanto imprevisível. No entanto, o risco também está frequentemente associado a ganhos significativos. É conveniente assumir riscos sistematicamente sem arriscar a sustentabilidade e estabilidade do seu capital.

Mantenha suas emoções longe

Se você deseja negociar a Opção IQ online, deve manter a cabeça fria. Pode parecer um pouco clichê, mas é realmente um aspecto-chave do sucesso. Às vezes, a empolgação de ter ganho dinheiro (ou a frustração por tê-lo perdido) pode prejudicar o julgamento. Cuide disso e tente manter suas emoções fora do caminho antes de tentar novas estratégias.

Seja paciente

Os lucros não virão em semanas. Nem mesmo em alguns meses. Antes de obter ganhos significativos, você deve passar por um processo de aprendizagem. Somente se você tiver muita sorte, poderá ganhar dinheiro de forma rápida e fácil. É melhor ser paciente e realista. Dessa forma, você pode obter muitos mais benefícios da Opção IQ.

Bitcoin mergulha quando o rali em brasa atinge a barreira

O Bitcoin despencou na quinta-feira ao seu nível mais baixo em 10 dias, pisando fundo no freio em seu rali escaldante e provocando uma liquidação entre moedas digitais menores.

O Bitcoin Trader, a maior robô trader do mundo detecta despencou até 13 por cento para seu nível mais baixo desde 16 de novembro. A última queda de 9 por cento foi para US $ 17.074, uma correção brusca de sua alta de três anos de US $ 19.521 atingida na quarta-feira.

Ele subiu cerca de 140 por cento este ano para apenas tímido de seu recorde histórico de US $ 19.666, alimentado pela demanda por ativos mais arriscados, uma percepção de que é resistente à inflação e expectativas de que as criptomoedas ganharão aceitação popular.

A segunda maior criptomoeda, ethereum, caiu cerca de 13 por cento e XRP, a terceira maior, caiu mais de 20 por cento. Ambas as moedas, que tendem a se mover em conjunto com o bitcoin, atingiram altas em vários anos no início desta semana.

A história de 12 anos do Bitcoin foi salpicada de ganhos vertiginosos e quedas igualmente acentuadas. A volatilidade dificultou o uso para pagamentos e deixou muitos investidores maiores desconfiados.

Os comerciantes citaram a queda no desenrolar de posições altamente alavancadas construídas conforme o bitcoin se aproximava de seu recorde, bem como tweets do CEO da maior bolsa de criptomoedas Coinbase expressando preocupação com os rumores de uma repressão regulatória.

“Definitivamente, houve uma sensação de euforia nos mercados nos últimos dias”, disse Joseph Edwards, da corretora de criptografia Enigma Securities. “Isso parece mais uma reação a isso – os mercados excessivamente alavancados sofreram um pequeno golpe e sofreram.

Um mercado de derivados de criptomoeda funcional se desenvolveu desde 2017, com bolsas offshore oferecendo posições altamente alavancadas. Em tempos de pouca liquidez, as movimentações nesses mercados podem ter um efeito descomunal no preço do bitcoin.

Outros citaram preocupações em torno da especulação de participantes do mercado de regulamentações mais rígidas dos EUA sobre como os investidores individuais armazenam criptomoedas.

Brian Armstrong, CEO da Coinbase com sede na Califórnia, tuitou na terça-feira que estava preocupado com os rumores de que os Estados Unidos reprimissem carteiras de criptomoedas individuais.

O Departamento do Tesouro dos EUA não respondeu imediatamente a um pedido de comentário enviado fora do horário comercial.

O Bitcoin reagiu fortemente no passado às restrições regulatórias das autoridades americanas.

No mês passado, promotores dos Estados Unidos entraram com processos criminais acusando quatro fundadores e executivos da bolsa de derivativos de criptografia BitMEX de evadir regras destinadas a impedir a lavagem de dinheiro.

(DE) Banif avança com queixa-crime contra a TVI

(DE) O banco “mau” que herdou os activos problemáticos do antigo Banif vai avançar com uma queixa-crime contra a TVI. Com este propósito, o Banif “mau” contratou o professor catedrático José Lobo Moutinho, especialista em Direito Penal da Universidade Católica, confirmou ao Económico o presidente do banco, Miguel Alçada.

O objectivo da acção judicial é responsabilizar criminalmente a estação de televisão por ter divulgado, na noite de 13 de Dezembro, uma notícia que dava conta de que o banco seria intervencionado no dia seguinte. A informação em questão foi sendo alterada ao longo da emissão, começando por avançar que o “Banif pode ser intervencionado” e que estava “tudo preparado para o fecho do banco”.

“A interposição desta acção judicial crime contra a TVI é crucial para a defesa dos interesses de todos aqueles que sofreram danos materiais com a Resolução”, disse o presidente do Banif, agora banco mau, que vai entregar a queixa ao Ministério Público.

“Face às consequências nefastas que a notícia da TVI teve no futuro do Banif, o que parece ser unânime nas pessoas ouvidas na Comissão de Inquérito ao Banif, pareceu ao Conselho de Administração, em nome da verdade e da defesa de todos os lesados do Banif que havia que agir judicialmente”, acrescentou.

A favor do Banif está o facto de, até agora, a larga maioria dos inquiridos na Comissão Parlamentar de Inquérito ter apontado a notícia da TVI como a grande responsável pela corrida aos depósitos que terá conduzido o banco a um colapso de liquidez e que ditou o fracasso do processo de venda em curso. Forçando assim a resolução do banco. Esta é talvez a visão mais consensual em todos os relatos do “caso Banif”.

António Varela, administrador do Banif em representação do Estado, e depois vice-governador do Banco de Portugal, chegou mesmo a dizer aquilo que agora se confirma. Na Comissão Parlamentar de Inquérito ao Banif disse que a notícia da TVI era uma “notícia criminosa”. Adiantando mesmo que “espero que o Ministério Público chegue a conclusões”.

“Depois da notícia da TVI, na semana de 14 a 18 de Dezembro, o Banif perdeu 960 milhões de euros de depósitos, 16% da sua carteira de depósitos”, salientou Jorge Tomé durante a sua audição na comissão parlamentar de inquérito ao Banif. Para Jorge Tomé, a “notícia da TVI ditou a resolução ao Banif”.

“O concurso foi lançado de forma relâmpago, mas estava a correr bem. Até que no dia 13 de Dezembro surge o episódio TVI (em que na sua primeira versão anunciava que o banco ia fechar) e há no dia a seguir uma corrida aos depósitos, em que o banco perdeu 960 milhões de euros, que era 16% da sua carteira de depósitos. A TVI deixa o banco com um problema de liquidez que o obriga a recorrer à ELA (facilidade de liquidez disponibilizada pelo Banco de Portugal). Este episódio dita em definitivo a Resolução ao Banif, a DG Comp não tinha poder para o fazer”, explicou o então CEO do Banif.

Se não tivesse ocorrido o “episódio TVI”, o Banif manteria uma posição estável de liquidez apoiado nos depósitos. O equilíbrio de liquidez é um dos pilares de sustentabilidade dos bancos. E este pilar ruiu após a notícia de 13 de Dezembro, segundo defendeu Jorge Tomé. “Viemos a saber pelo Banco de Portugal no dia 19 de Dezembro, que o Banif estava em risco de insolvência devido ao desequilibro de tesouraria provocado pelo episódio TVI”, foi outra das frases do antigo CEO que ajudarão ao processo crime.

O Económico contactou Sérgio Figueiredo, director de informação da TVI, que não quis fazer comentários. O director da TVI não deverá falar antes de ser ouvido pela Comissão Parlamentar de Inquérito ao Banif.